Valsa Inglesa

Foi assim chamada para a distinguir da Valsa Francesa (rotativa) e da Valsa Vienense (de andamento rápido). Em vez de um contínuo movimento circular, os britânicos introduziram esquemas em diagonal para construírem as figuras básicas. Esta dança é descendente da Valsa Vienense, com um ritmo mais lento (que foi diminuindo gradualmente ao longo do tempo) mantendo, no entanto, o compasso ternário. Já era dançada nas cortes europeias nos meados do século XVIII, associada a canções de amor. É uma dança suave e harmoniosa na qual o par parece estar inebriado, dançando como que envolvidos por uma suave onda do mar.

 

Valsa Vienense

Tendo começado a sua existência como uma antiga dança do folclore austríaco e do sul da Alemanha, a Valsa Vienense, é tocada num andamento de trinta compassos por minuto. As figuras básicas, usadas na construção da coreografia desta dança baseiam-se num esquema em diagonal que resulta numa progressão suave e leve em volta da pista de dança no sentido contrário aos ponteiros do relógio. As ondulações graciosas e as rápidas mudanças na velocidade do corpo, que são visíveis quando os pares dançam, fazem desta dança uma das mais célebres.

 

Tango

Esta dança, transmitida ao longo de gerações de dançarinos, teve origem nos bairros pobres e nas vielas da Argentina, tendo sido considerada demasiado indecorosa para os salões de dança, durante mais de cem anos. O Tango transmite uma atmosfera de expectativa tensa. As notas entrecortadas desta música, em fluentes crescendos, suaves mas firmes, criam um tom dramático e furtivo entrelaçado de fortes contrastes, que se repetem constantemente. Se primeiramente o Tango era dançado apenas pelas classes mais pobres, este facto mudou por volta de 1910 devido a uma transformação no carácter desta dança, tornando-se perfeitamente aceite por toda a comunidade.

 

SlowFox

O Slow Fox nasceu nos anos 20 pela mão de Harry Fox, um actor de musicais, que introduziu um passo tipo trote. Em 1922, os passos tipo trote foram substituídos por outros que exigiam menos vigor e o passo foi denominado Slow Fox devido aos seus movimentos mais suaves. O que realmente fascina no Slow Fox é a grande variedade de interpretações possíveis a partir de uma dança simples.

 

QuickStep

Historicamente, o Quickstep resulta da evolução de duas danças, o Boston e One-Step, que surgiram ambas nos recintos da dança da América com a chegada da música de Ragtime e Jazz, em finais do século XIX. Essa música agitada teve um efeito profundo nos estilos de dança social. Os bailarinos voltaram as costas às danças baseadas nas cinco posições do ballet e adoptaram aquelas em que se usavam os passos normais de quem anda. O Quickstep é uma dança mexida baseada em passos andantes e chassés que encaixam facilmente na música escrita em compasso quaternário.